Torno Machine Center – Um equipamento eficaz para fabricação de peças

Tenho certeza de que você encontrou uma perna de mesa perfeitamente arredondada ou uma maçaneta. Mas você já se perguntou como surgiram essas peças maravilhosas?

Os centros de torno mecânico são a sua resposta. Este artigo dissecará essas peças de trabalho para mostrar como elas produzem obras-primas polidas.

O que é um centro de torno mecânico

Um centro de torno é uma máquina simples que gira sua peça bruta enquanto raspa peças indesejadas para gerar obras-primas polidas e cilíndricas.

Você pode operar esta máquina manualmente ou adquirir um torno central CNC, que corta partes indesejadas usando uma ferramenta de corte controlada por computador.

Vantagens de usar tornos centrais

Os tornos centrais oferecem soluções eficazes para vários problemas de usinagem e conseguem isso ao mesmo tempo que prometem uma série de vantagens. Eles incluem;

  • Alta precisão: A maioria dos componentes utilizados nas indústrias aeroespacial e automotiva deve demonstrar um alto nível de tolerância e precisão dimensional. Os centros de torno são perfeitos para isso, pois fornecem peças com tamanhos e formatos precisos.
  • Superfícies Polidas: Entregam componentes com acabamentos de alta qualidade caracterizados por suavidade e uniformidade.
  • Produtividade aumentada: Substituir as operações manuais por centros de torno automatizados significa que você processará mais peças em muito menos tempo.
  • Custos trabalhistas mais baixos: Isso se aplica a centros de torno CNC e automáticos, que dificilmente requerem intervenção humana. Isso reduz seu salário e orçamento salarial.
  • Criação de peças complexas: Com as ferramentas de corte certas, os centros de torno podem produzir peças de alta qualidade com padrões e designs complexos.
  • Operação simples: Você pode aprender facilmente como usar um torno central, seja ele manual ou automático.

Objetivo de um centro de torno mecânico

Os centros de torno são projetados principalmente para realizar operações de modelagem de peças. No entanto, eles são versáteis e podem executar inúmeras funções de usinagem, incluindo:

Processo de Torneamento CNC

Processo de Torneamento CNC

  • Torneamento reto: Os centros de torno criam peças cilíndricas retas, diminuindo cuidadosamente o diâmetro da peça. Isto é conseguido girando todo o comprimento da sua peça de trabalho através do máquina de torno.
  • Voltado para: Você também pode explorar um torno central para criar uma superfície plana em uma ou ambas as extremidades da peça de trabalho. A máquina cortará partes de uma extremidade para gerar uma face com acabamento uniforme e suave.
  • Perfuração: Certos tornos centrais são equipados com brocas, que utilizam para fazer furos cilíndricos em suas peças de trabalho. Essas brocas podem ter comprimentos variados ou ser feitas de materiais variados.
  • Tedioso: Você também pode utilizar o centro da sua máquina de torno para ampliar o diâmetro dos furos cilíndricos escavados ou perfurados na sua peça de trabalho. No entanto, isso exigirá uma ferramenta de mandrilamento especializada.
  • Corte de ranhuras: Ao equipar seu centro de torno com uma fresa de canal especializada, você pode criar sulcos helicoidais em suas peças. Essas saliências ou canais podem melhorar o perfil de aderência da sua peça de trabalho.
  • Corte de fios: Se você deseja inserir roscas em certas partes da sua peça de trabalho, tudo o que você precisa fazer é instalar uma ferramenta de rosqueamento. À medida que o centro do torno gira sua peça, a ferramenta de rosqueamento cortará os fios com as dimensões e o padrão desejados.

Tipos de centros de torno mecânico

Para facilitar o processamento delicado de peças de madeira ou mesmo de peças de metal para serviços pesados, os fabricantes criaram diversos tipos de centros de torno. Aqui estão essas diferentes opções e seus respectivos pontos fortes.

Centro de usinagem CNC

Centro de usinagem CNC

· Centros de máquinas de torno horizontal

Essas máquinas de torno posicionam sua peça horizontalmente. Sua mesa rotativa também é orientada horizontalmente, portanto as operações de usinagem são realizadas horizontalmente.

Este layout torna os centros de torno horizontais perfeitos para o manuseio de peças de trabalho pesadas, uma vez que o peso é distribuído uniformemente pela mesa rotativa.

· Centros de Tornos Verticais

Esses centros de torno são diferenciados por sua orientação única, que os faz segurar sua peça em uma mesa de trabalho que gira verticalmente.

Este layout facilita o acesso à sua peça de trabalho, a inspeção ou até mesmo a alteração de determinadas ferramentas. Também torna os centros de torno verticais bastante eficientes em termos de espaço e mais adequados para usinar peças largas.

· Centros de máquinas de torno horizontal

Essas máquinas de torno posicionam sua peça horizontalmente. Sua mesa rotativa também é orientada horizontalmente, portanto as operações de usinagem são realizadas horizontalmente.

Este layout torna os centros de torno horizontais perfeitos para o manuseio de peças de trabalho pesadas, uma vez que o peso é distribuído uniformemente pela mesa rotativa.

· Centros de Tornos Verticais

Esses centros de torno são diferenciados por sua orientação única, que os faz segurar sua peça em uma mesa de trabalho que gira verticalmente.

Este layout facilita o acesso à sua peça de trabalho, a inspeção ou até mesmo a alteração de determinadas ferramentas. Também torna os centros de torno verticais bastante eficientes em termos de espaço e mais adequados para usinar peças largas.

· Centros de máquinas de torno rápido

Como o nome sugere, esses centros de torno são construídos para alta velocidade e podem atingir até 7.000 RPM. Os centros de torno rápido favorecem principalmente operações de usinagem leves, uma vez que operam em velocidades extremamente altas. Eles são altamente informatizados e dificilmente requerem entrada manual.

· Centros de tornos mecânicos de motores

Estes são os típicos centros de torno que você encontra todos os dias e são caracterizados por um cabeçote e um cabeçote móvel separados por uma mesa de trabalho, que segura sua peça de trabalho. Os centros de torno de motor são uma característica comum em prototipagem, oficinas mecânicas e fabricação de matrizes, graças à sua orientação simples. Você também pode ajustar a velocidade de rotação ou até mesmo alterar o mecanismo de alimentação.

· Centros de máquinas de torno de torre

Esses centros de torno são caracterizados por um porta-ferramenta giratório, o que permite realizar múltiplas operações de usinagem simultaneamente.

Esses porta-ferramentas giratórios podem transportar uma infinidade de ferramentas de corte e você pode trocar a ferramenta de corte dependendo da operação que pretende realizar. Os centros de torno de torre são principalmente semiautomáticos ou totalmente automáticos.

· Centros de Torno e Máquinas Toolroom

Os centros de tornos da sala de ferramentas são especializados para atingir níveis incomparáveis de precisão durante a usinagem. Eles são bastante semelhantes aos tornos motores convencionais, exceto pela sua alta precisão. Eles prosperam melhor quando se trata de fabricar ou manter ferramentas e acessórios delicados.

· Centros de máquinas de torno de bancada

Esses centros de torno são projetados para operações de escala relativamente pequena, como oficinas. Eles são bastante compactos e leves, daí o nome de centros de torno de bancada. Apesar de ocuparem um espaço comparativamente menor, eles podem cumprir a maioria das funções desempenhadas por centros de torno maiores.

· Centros de tornos CNC

Esses centros de torno são auxiliados por programas controlados numericamente por computador, tornando-os altamente precisos e confiáveis. Eles também podem realizar operações de corte sofisticadas, muitas das quais suas contrapartes manuais ou semiautomáticas não conseguem. Você pode programar um centro de torno CNC para funcionar em velocidades extremamente altas e, ao mesmo tempo, obter a máxima precisão de corte.

Partes de um torno central

Centros de máquinas de torno rápido

Como o nome sugere, esses centros de torno são construídos para alta velocidade e podem atingir até 7.000 RPM. Os centros de torno rápido favorecem principalmente operações de usinagem leves, uma vez que operam em velocidades extremamente altas. Eles são altamente informatizados e dificilmente requerem entrada manual.

· Centros de tornos mecânicos de motores

Estes são os típicos centros de torno que você encontra todos os dias e são caracterizados por um cabeçote e um cabeçote móvel separados por uma mesa de trabalho, que segura sua peça de trabalho. Os centros de torno de motor são uma característica comum em prototipagem, oficinas mecânicas e fabricação de matrizes, graças à sua orientação simples. Você também pode ajustar a velocidade de rotação ou até mesmo alterar o mecanismo de alimentação.

· Centros de máquinas de torno de torre

Esses centros de torno são caracterizados por um porta-ferramenta giratório, o que permite realizar múltiplas operações de usinagem simultaneamente.

Esses porta-ferramentas giratórios podem transportar uma infinidade de ferramentas de corte e você pode trocar a ferramenta de corte dependendo da operação que pretende realizar. Os centros de torno de torre são principalmente semiautomáticos ou totalmente automáticos.

· Centros de Torno e Máquinas Toolroom

Os centros de tornos da sala de ferramentas são especializados para atingir níveis incomparáveis de precisão durante a usinagem. Eles são bastante semelhantes aos tornos motores convencionais, exceto pela sua alta precisão. Eles prosperam melhor quando se trata de fabricar ou manter ferramentas e acessórios delicados.

· Centros de máquinas de torno de bancada

Esses centros de torno são projetados para operações de escala relativamente pequena, como oficinas. Eles são bastante compactos e leves, daí o nome de centros de torno de bancada. Apesar de ocuparem um espaço comparativamente menor, eles podem cumprir a maioria das funções desempenhadas por centros de torno maiores.

· Centros de tornos CNC

Esses centros de torno são auxiliados por programas controlados numericamente por computador, tornando-os altamente precisos e confiáveis. Eles também podem realizar operações de corte sofisticadas, muitas das quais suas contrapartes manuais ou semiautomáticas não conseguem. Você pode programar um centro de torno CNC para funcionar em velocidades extremamente altas e, ao mesmo tempo, obter a máxima precisão de corte.

Partes de um torno central

Sistema de ferramentas de centro de máquina de torno

Sistema de ferramentas de centro de máquina de torno

A pedra angular de um torno central apresenta uma infinidade de componentes distintos intrinsecamente ligados para facilitar o funcionamento ideal do torno. Esses componentes incluem:

  • Cama: Esta é simplesmente a base do seu centro de torno e é essencialmente uma plataforma que une as outras partes da sua máquina. Este componente é normalmente equipado com vias em V, embora outros tipos de vias também possam ser apresentados. Essas formas permitem o movimento do carro do seu torno.
  • Cabeçote: Este componente essencial é normalmente instalado em uma extremidade da base do seu centro de torno. Tem a função de sustentar o fuso, bem como a polia e a engrenagem, responsáveis pelo movimento do fuso.
  • Cabeçote móvel: O contraponto é mantido na extremidade oposta do contraponto pela base do torno central. Ele é responsável por apoiar uma extremidade da peça enquanto a outra extremidade é segurada pelo cabeçote. Ele também suporta suas ferramentas de usinagem.
  • Fuso: Este é um eixo giratório encarregado de girar sua peça de trabalho para permitir operações de corte distintas. Normalmente é alimentado por um motor e contém um mandril, que por sua vez tem a tarefa de proteger sua peça de trabalho.
  • Transporte: Esta parte é responsável por transportar sua ferramenta de corte ao longo do comprimento da cama. É apoiado pelos caminhos e controla o giro longitudinal do seu centro. Os carros centrais de torno típicos também apresentam uma corrediça cruzada e composta.
  • Mandril: O mandril normalmente é suportado pelo fuso e tem a tarefa de fixar a peça de trabalho no cabeçote. Seu centro de torno pode utilizar qualquer um dos seguintes mandris:
    • Mandril de pinça
    • Mandril de 3 mandíbulas
    • Mandril de 4 mandíbulas

Processos do centro de máquinas de torno

Os centros de torno simplesmente adaptam a forma de diversos materiais e ferramentas em formato cilíndrico e isso os tornou indispensáveis em vários setores. Eles podem realizar inúmeras operações, sendo as principais:

  • Girando: Esta é a função principal de um centro de torno e envolve girar sua peça de trabalho com a ajuda de um fuso. À medida que o fuso gira sua peça, uma ferramenta de corte extrai cavacos de sua peça, diminuindo seu diâmetro e gerando um objeto cilíndrico.
  • Voltado para: Esta operação foi projetada principalmente para deixar sua peça de trabalho com uma superfície plana. Envolve submeter sua peça rotativa a uma ferramenta de corte, que raspa partes indesejadas em uma extremidade da peça.
  • Perfuração: Embora esta não seja uma operação de torneamento, ainda é uma operação de usinagem que um centro de torno pode executar. No entanto, requer a instalação de uma broca, que faz furos na superfície da peça de trabalho.
  • Torneamento Cônico: Esta operação envolve submeter sua peça a uma ferramenta de usinagem cujo ângulo é ajustado para criar peças de formato cônico. As peças submetidas ao torneamento cônico têm diâmetros que flutuam progressivamente ao longo de seu comprimento.
  • Serrilhada: Este processo é conhecido por elevar a aderência da sua peça ou até mesmo algumas de suas características funcionais. Ele deixa sua peça de trabalho com uma superfície elevada, muitas vezes semelhante a um diamante.

Práticas de manutenção de centros de máquinas de torno

Centro de torneamento CNC de cama inclinada

Centro de torneamento CNC de cama inclinada

  • Lubrifique regularmente as juntas do centro do torno para encolher ou evitar atrito entre as peças móveis. Além disso, certifique-se de usar um lubrificante prescrito pelo fabricante da sua máquina.
  • Sempre limpe o centro do torno para remover cavacos e detritos que possam se acumular durante a usinagem.
  • Inspecione regularmente as vedações e limpadores do seu torno para garantir o desempenho ideal em todos os momentos.
  • Inspecione periodicamente o alinhamento do cabeçote e do cabeçote móvel para evitar cortes imprecisos.
  • Se você não estiver usando o centro do torno, cubra-o com um cobertor seco para mantê-lo protegido contra poeira e umidade que podem causar ferrugem.

Aplicações de centros de torno mecânico

 

Os centros de torno desempenham um papel em uma infinidade de aplicações, desde a fabricação de peças automotivas até a produção de naves espaciais. Outras aplicações incluem:

  • Protipagem
  • Modelando joias
  • Fabricação de dispositivos médicos
  • Fabricação de peças aeroespaciais
  • Fabricação de instrumentos musicais
  • Criando acessórios de encanamento
  • Fabricação de moldes e matrizes
  • Usinagem de componentes automotivos

Conclusão

Um centro de máquina de espuma desempenha um papel fundamental nas operações de usinagem modernas. Na TSINFA, oferecemos uma ampla gama de centros de torno com capacidades variadas.

Para todos os seus projetos de centros de máquinas de torno, entre em contato com a TSINFA agora.

Mais recursos:

Máquinas-ferramentas CNC – Fonte: TSINFA

Introdução ao torno mecânico – Fonte: TSINFA

Como usar o torno mecânico – Fonte: TSINFA